MDDF vai realizar ações de educação ambiental em Núcleos Habitacionais de Santo André

15 05 2015

PROJETO NOSSAS VILAS, VIELAS E QUINTAIS

Breve histórico

Todos eleição MDDF 15 de março 2014

O MDDF (Movimento de Defesa dos Direitos dos Moradores em Núcleos Habitacionais de Santo André) foi fundado em 1987 e tem como missão representar os moradores de núcleos e conjuntos habitacionais de Santo André, atuando para defender direitos coletivos e prestando serviços gratuitos. Santo André possui mais de 140 núcleos habitacionais, com um total de aproximadamente 30.000 domicílios. Muitos núcleos apresentam problemas ambientais como pontos de acúmulo de lixo, esgoto a céu aberto, queimadas e riscos ambientais, tais como enchentes e deslizamentos. Estes problemas afetam os núcleos de forma desproporcional em relação aos demais bairros da cidade e são poucas as oportunidades de ações comunitárias e de discussão de políticas públicas que possam vir a contribuir para melhorias. Foi pensando nessa problemática que o MDDF propôs um projeto com foco na educação ambiental não-formal em comunidades representadas pela entidade. Assim, o Projeto Nossas Vilas, Vielas e Quintais foi criado. Com início em abril de 2015 e duração de dois anos, o Projeto faz parte do Programa Petrobras Socioambiental. Este é um de somente três projetos do ABC Paulista selecionados pela empresa.

Objetivo do Projeto

O Projeto Nossas Vilas, Vielas e Quintais tem como objetivo fortalecer a capacidade de moradores de núcleos habitacionais a identificar e realizar, de modo colaborativo, as transformações ambientais locais necessárias para a melhoria das condições ambientais do meio em que vivem. O manejo cotidiano da água, de resíduos sólidos, da energia e das áreas verdes dos núcleos serão alguns dos temas trabalhados. Para intensificar a discussão destes temas, o projeto também objetiva constituir redes de articulação em prol do aprimoramento das políticas públicas urbanas e ambientais da cidade.

Ações do projeto

  • Encontros entre lideranças da área urbana com as lideranças da área de manancial;
  • Visitas ao Aterro Sanitário e à área de mananciais;
  • Atividades de mobilização comunitária e educação ambiental nas comunidades participantes
  • Revitalização, de forma colaborativa, de espaços comuns, como praças, vielas e terrenos baldios;
  • Resgate e divulgação da história ambiental das comunidades,
  • Fortalecimento da participação de moradores de núcleos habitacionais em fóruns e conselhos municipais

Assim, o Projeto visa propiciar aos moradores de núcleos habitacionais a oportunidade – excepcionalmente rara – de aprofundar o conhecimento sobre os desafios socioambientais da cidade, fortalecendo seu sentido de corresponsabilidade e promovendo a cidadania ambiental.

Comunidades Participantes

O Projeto é focado na macrozona urbana em 4 comunidades:

  • Núcleo Ipiranga
  • Núcleo Sacadura Cabral
  • Conjunto Habitacional Gonçalo Zarco
  • Conjunto Habitacional Prestes Maia

Por meio de visitas e oficinas, moradores destas comunidades poderão interagir e aprender junto aos moradores de duas comunidades da macrozona de proteção ambiental – o Núcleo Pintassilgo, inserido na Unidade de Conservação do Parque do Pedroso, e a Vila de Paranapiacaba, patrimônio histórico inserido em uma extensa área protegida de Mata Atlântica.

Parceiros

O projeto conta com o apoio de instituições públicas e organizações não governamentais e busca formar uma rede de apoio à educação socioambiental nos núcleos, influenciando nas políticas públicas. Novos parceiros são bem-vindos!  

Como participar?

Entre em contato!

Fone: (5511) 2988-4088

E-mail: mddf@mddf.org.br

Website: www.mddf.org.br

Facebook: MDDF Santo André

Anúncios

Ações

Informação




%d blogueiros gostam disto: